quarta-feira, novembro 09, 2005

Manifestação na e pela Praça da Liberdade

Praça da Liberdade


O Porto sempre foi conhecido com uma cidade cinzenta devido ao uso predominante do granito na construção, sobretudo no núcleo histórico e na baixa, e essa foi umas das características que ao longo dos tempos lhe deu carácter.
Nos últimos anos as obras de requalificação da Cidade, que ganharam impulso com a preparação para o Porto Cidade Europeia da Cultura em 2001 e se têm arrastado desde aí com as obras do Metro, têm acentuado esta característica até à exaustão.
Não bastava termos a cidade do Porto completamente esburacada, com um trânsito a ultrapassar o caótico, somos agora forçados a aceitar de bom grado todas as más opções de planeamento urbano e paisagístico que se têm feito. Ninguém se esquece do Edíficio Transparente, os parques automóveis que nunca são usados, o alargamento desmedido dos passeios ao ponto de inviabilizar o tráfego automóvel, a remoção de imensos jardins e espaços verdes... agora temos obras de requalificação na Avenida dos Aliados e na Praça da Liberdade, que pelo projecto dos arquitectos Álvaro Siza Vieira e Eduardo Souto de Moura prometem ajudar a desfigurar estes espaços que assumem grande importância simbólica na Cidade do Porto.
As críticas em blogues na Internet, bem como as queixas junto da Assembleia da República, Inspecção do Ambiente, Ministério Público e Procuradoria–Geral da República já não sáo novas mas o poder político parece ter desenvolvido um certo autismo egocentrista que se refugia na segurança do prestígio dos arquitectos.
Em resposta o batalhão da frente que tem liderado a contestação avança agora com uma manifestação com o slogan «Juntos na Praça da Liberdade, pela Praça da Liberdade», contestando, principalmente, a remoção da calçada portuguesa dos passeios.
A manifestação está marcada para próximo sábado dia 12 de Novembro às 11 horas! Manifestem-se por lá e por cá!

4 comentários:

FMSG disse...

Eu sou totalmente contra os projectos orquestrados por Souto Moura e Siza Vieira! Atneção que nada tenho contra eles, acho-os uns dos maiores arquitectos portugueses de todos os tempos! Mas, é como disseste Susy: se esse projecto for para a frente, toda aquela zona irá ficar descaracterizada, vai perder-se a alma do Porot, ainda por cima num local tão emblemático como a Praça da Liberdade/Aliados! É preciso não deixar que isso aconteça!

Suzy disse...

Estou completamente de acordo tanto contigo Ricky como contigo Miguel! Na verdade o Porto tão característico pela sua calçada portuguesa e a sua Praça da Liberdade/Avenida dos Aliados com os seus belos jardins vai perder completamente a alma...

Lá porque a zona é uma zona granitica não quer dizer que tenhamos de acinzentar o Porto ainda mais do que já está! Vejamos como foi na Praça da Batalha e ruas adjacentes!

A Rua de Sto. Ildefonso, por exemplo, ficou completamente desfigurada!! Uma rua que já era cinzenta e escura por natureza ganhou uma forma mais sombria... e como o português tem hábitos muito saudáveis (como cuspir para o chão, deitar lixo em locais indevidos...etc, etc, etc) se passarem com atenção nesta artéria no coração da cidade conseguem contar quantas escarradelas e chiclets foram cuspidas no chão (por volta de 354657) e mesmo quantas pessoas embriagadas decidiram chamar o gregório!

Garanto que aquele chão pintalgado consegue fazer uma linda concorrência ao mais belo passeio revestido de calçada portuguesa!

E assim vai a nossa cidade!

Beijinhos enormes aos dois!

Gelly disse...

Bolas, bolas, bolas!!!
Estou em falta com a minha adorada invicta.... não fui a essa manifestação que tanto me diz!

É uma tristeza isso que pretendem fazer... vi o projecto e fiquei abismada com tamanha estupidez. Mas então anda meio mundo a gabar a nossa calçada e a "imitar" tão bela arte e nós por cá esventramos a cidade disso que é tão nosso, tão português! Que parvoíce!!!
Um dia vão lembrar-se que a calçada até "tinha piada" (em vez do valor devido e ... enfim... estas coisas enervam-me!! Parece que é por modas e não por pertinência ou valor próprio que se muda!!! Bem, mas como estava eu a dizer... vão lembrar-se que a calçada até "tinha piada" e toca a colocar aqui e acolá partes disso que agora aniquilamos tão levianamente. Na onda dos elétricos, estão a ver....

O mesmo se passa com os espaços verdes. Tanto constroem um "parque da cidade", como logo a seguir arrancam árvores e dizimam os mais variados espaços verdes espalhados pela cidade. Mas alguém, POR FAVOR, me explica o fundamento para tal parvoíce?!

Bem, olhem, eu vou mas é dormir. Desculpem lá qualquer coisinha, mas estas coisas chateiam-me. Além disso, o cansaço agrava ainda mais a coerência pretendida! Se isto que escrevi não fizer sentido, olhem, amanhã explico!! LOL

Beijocas para todos!
Continuem com o bom trabalho!
E quanto ao nosso blog, continuo a achar boa ideia...

mas primeiro o cafezinho!!

ihihihihihi

Beijoooooooooooooosssssssss

Anónimo disse...

Vejam reportagem nos ALIADOS
Comentem, participem, divulguem!
Assinem o Manifesto em defesa da Avenida dos Aliados e da Praça da Liberdade